terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Dar Perdão



Meus Deus!

Não quero sentir-me ofendido pelo que me foi feito. A mágoa advinda da ofensa é uma fraqueza que vai contra as minhas intenções elevadas.

Quem me perturbou é pessoa igual a mim, tem raciocínio e sentimentos. Preciso acreditar que essa pessoa não agiu por mal, mas movida por alguma razão que desconheço e que não me cabe julgar.

Um dever de humanidade pede-me ter compaixão, não fazer justiça por mim mesmo, deixar tudo para trás e encerrar de vez a questão, sem mágoas internas.

Ajuda-me, Deus, para eu afastar o mal que quer dominar-me. Se eu não me sentir ofendido, ganharei forças e ficarei feliz, oferecendo com espontaneidade o meu perdão.

Obrigado, Deus, muito obrigado!

Livro: Fortalecimento | Preces | Lourival Lopes | Editora Otimismo | Página 146
Postar um comentário

Assine o Blog e Receba Orações por E-mail

Assista aos Vídeos: